há derrotas que são vitórias disfarçadas

As duas maiores barreiras que podes encontrar no caminho para os teus objetivos é a ausência de fé e o excesso de preguiça.

Podes correr muito, mas se não acreditares que serás capaz de lá chegar muito provavelmente vais acabar por desistir mais cedo do que devias. Se por outro lado acreditares profundamente que consegues lá chegar, mas não fizeres nada por isso, dificilmente alcançarás alguma coisa.

Acreditar e lutar têm de andar sempre de mãos dadas. Se queres, então acredita que consegues e faz por conseguires. Nada está perdido à partida. Nenhuma derrota existiria se não houvesse alguém suficientemente corajoso para tentar vencer.

Tu, ainda que não saibas, também és feito de tudo aquilo que não conseguiste ser. A vida não é como o futebol, na vida perder também dá pontos. As derrotas, as quedas e as desilusões são, muitas vezes, vitórias disfarçadas que a dor te impede de ver, mas que o tempo acabará por te mostrar.

Imagem de Inma Ibáñez